21 de Outubro de 2017 - 22:03
12/08/2017 - 18h02 ASSUNTO TENSO

Custo de mais de R$ 320 mil para pagar locação de carro vira polêmica em Santa Terezinha/PB

Por Blog do Ninja

Uma Sessão Ordinária em Santa Terezinha-PB, ocorrida no início desse mês de agosto, na Casa Geraldo Luiz Camboim trouxe à tona uma informação que poucos sabiam, que um carro locado pela gestão municipal, na legislatura passada, custou a batela de mais de R$ 320 mil, o que daria para comprar mais de 10 carros populares.

ENTENDA O RELATO DAQUELA SESSÃO REVELADORA.

Às 17h, o Presidente Francisco Bezerra (PSB) abriu os trabalhos legislativos. Inicialmente apresentou votos de pesares aos familiares de Chico Lucindo e Dedé de Naninha. Os noves parlamentares compareceram a reunião.

Quem primeiro fez uso da tribuna foi a Vereadora Célia Nicácio (PSB), que se acostou aos votos de pesar. Disse também que apoiava o Projeto Fazenda da Esperança. Quanto às inúmeras demissões que a prefeita fez, fica solidária às famílias que ficaram desempregadas, contudo intende à questão financeira do município. Sobre as cestas básicas é preciso criar a comissão para poder fiscalizar a distribuição das feiras. Há muitas famílias carentes em Santa Terezinha.

O Vereador Pedro Sopa (PSDB) agradeceu aos presentes na sessão. Disse que estava triste com a votação no Congresso Nacional que deixou Temer no poder. Governo Dilma tinha suas falhas também. Em relação às denúncias do Vereador Salomão, falou que à crise vinha desde 2014, portanto, uma contradição cobrar só agora.

Relatou que lamenta as demissões realizadas pela Senhora Prefeita, não era vontade dela, mas devido à crise e, para poder controlar as contas do Município. Quando à ambulância as peças que foram tiradas do carro não há problema. Pois, o desmantelo vem da gestão anterior. Por fim, afirmou que todos os prefeitos choram, mas não querem deixar o poder, certamente porque é bom.

O Vereador Menon Ayres (PROS) afirmou que passou já sete meses de Governo de Terezinha, mas a culpa sempre é do ex-prefeito. Criticou com veemência a locação do carro da prefeita que paga 6.700,00 reais mensal, totalizando no fim do mandato 321,600 mil reais, e o pior o carro não ficará para o município. Na saúde a falta de remédio na farmácia básica é constante.

A problemática do lixão denunciado por ele, e depois da vinda do pessoal do IBAMA foi feito uma limpeza, mas de forma errada, pois colocaram o lixo no córrego. Disse ainda que o representante do IBAMA falou que quem fez o lixão não tem amor à cidade, pois fez na entrada da cidade. O lixão da cidade foi feito pelo ex-prefeito Zé Afonso.

Por fim, afirmou que o Kit Escolar uma propositura sua ainda não foi cumprido pela prefeita em sete meses de Governo. Sobre as cestas básicas o povo precisa muito das feiras. Disse que tem muitas ruas às escuras. Apresentou um requerimento que solicita à recuperação da estrada do Sítio Trangola, pois está em péssimo estado.

Vereadora Lidianny Medeiros (PSDB) justificou sua ausência na sessão anterior. Acostou-se aos votos de pesar. Quanto às denúncias de Salomão, é lamentável, pois o Vereador tomou como base fuxico de Facebook. Afirmou que a prefeita não cobrou e nem vai cobrar pipa de água de ninguém. Quando ao Kit escolar, falou com o secretário de Educação Osvambergh Oliveira, que confirmou será entregue juntamente com o fardamento. Disse que o ex-prefeito passou três anos sem entregar fardamento. Pediu que Salomão procurasse visitar os órgãos públicos e tire fotos da farmácia básica no início de semana que ela está abastecida.

Por fim ratificou que os transportes foram recebidos quase todos sucateados, que só dois carros funcionavam. Gastaram 59 mil reais no carro do lixo e, mesmo assim estava no prego. Aconselhou o Vereador Salomão que quando fosse à Rádio, leve à verdade. Pediu à união de todos na Câmara que deixem as picuinhas de lado. Em relação às demissões a prefeita está muito triste, mas foi necessário para controlar as contas do município nesse momento. A gestão passada não tinha créditos em Patos, pois deixou muitas dívidas a gestão atual.

O Presidente Francisco Bezerra (PSB) relatou que não foi eleito para prejudicar a gestão de ninguém, contudo não admite que façam média nas suas costas. O Vereador se referiu à Lei que concede a insalubridade aos motoristas, fez questão de ler o Projeto na tribuna. Com relação à emenda aditiva que foi apresentada pelo vereador Salomão não traz nenhum prejuízo à categoria, muito pelo contrario, ela daria mais segurança a categoria, para que não haja perseguição aos mesmos, com transferências para outros setores, desta forma perdendo o direito ao adicional de insalubridade um direito conquistado depois de muitos anos de luta.  Pois, acredito na senhora prefeita não faria isso, mas já o seu porta voz tinha esse costume.

Quanto às inverdades que andam circulando na cidade que foram os Vereadores de oposição e o Tribunal de Conta, que obrigou à prefeita demitir era mentira, ele mesmo, perguntou aos Auditores do Tribunal que estiveram na Câmara. Não estou feliz em ver essas demissões, pelo contrário. Teve muitos que compraram carros e agora foram demitidos. Mas, o que ocorreu foi que na campanha a candidata prometeu demais e, agora não pode cumprir, fizeram uma política de enganação. Na farmácia básica continua faltando medicamentos.

No cenário Nacional é vergonhoso manter o presidente Michel Temer no poder depois que foi comprovado. O presidente Lula é errou, mas fez pela pobreza do país. Ninguém está acima da Lei. Em uma reunião em Patos com órgãos de segurança pública, a delegada disse que aqui a violência está pior que Patos, isso proporcionalmente.

Semana passada teve em Patos em reunião com o Governador Ricardo Coutinho, que tem serviço prestado na Paraíba e em Santa Terezinha. Felicitou o advogado Zé Lacerda que no comando do partido PSB em Patos. Por fim, parabenizou os Jornalistas Josley Oliveira e Jordan Bezerra pelos 100 programas o Jornal Conexão com a Notícia, da Rádio 104.9 de Santa Terezinha. Felicitou também a Rádio Espinharas de Patos pelos seus 67 anos de vida e registrou o aniversario (05) da Capital João Pessoa.

Zé Nilton (PR) agradeceu aos presentes, se acostou aos votos de pesar, lamentou a violência no País. Há muita impunidade, nossa segurança pública precisa melhorar. Pediu a união de todos os Vereadores, pois à crise é grande, se referindo às demissões do Poder Executivo, a senhora prefeita fez isso contra sua vontade. A gestora estar lutando para acertar. As cestas básicas serão distribuídas dentro da lei. Por fim, falou da política Nacional que “os nossos representantes” não escutam o povo, pois 82% da população queria ver a queda do Presidente Temer. Parabenizou o voto de Wellington Roberto.

O parlamentar Salomão Cordeiro (PP) destacou o belíssimo trabalho social que faz a Fazenda da Esperança. Porém, o nosso município está inadimplente descumprindo uma lei. O Ministério Público já mandou uma notificação para a Prefeitura.

Cestas básicas estão entregando sem critério algum, é preciso cria uma Comissão para distribuir conforme manda a Lei criada por essa Casa. A falta de remédio continua na farmácia básica, o povo está nos cobrando. Quando fui à Rádio denunciar é uma prerrogativa do Vereador procurar os meios de comunicação. Sou um Vereador ficha limpa, diferentemente do ex-prefeito Zé Afonso.

Em relação às demissões era um problema anunciado; como disse muito bem o Vereador Francisco Bezerra, eles prometeram demais na campanha e, agora não honraram os compromissos. “Agora é preciso ter a humilde, a coragem e a dignidade de visitarem as casas pedindo desculpas por terem enganado às famílias do nosso município”, afirmou Cordeiro.

Quanto à denúncia da ambulância é sério, pois carro está abandono um veículo que custou 125 mil reais. Na contramão dos valores à gestão deu prioridade a consertar um trator velho, já gastaram 15 mil reais e ainda está parado. A ambulância precisava só de quatro bicos injetores. Vou acionar o Ministério Público. Por fim parabenizou a capital João Pessoa pelo seu aniversário, um dia especial, pois é o dia do meu aniversario também.

O líder da Prefeita Edcarlos Soares (DEM) analisou os discursos dos seus pares, contudo estranhou, pois esperava os aplausos pela coragem da Prefeita Terezinha de Zé Afonso (PSDB), tomou uma atitude que não é boa para ela politicamente. Estamos passando por muitas dificuldades, pois recebemos à prefeitura em um caos administrativo e cheia de dívidas.

Pontuou que gostou das denúncias de Menon e Francisco, pois trouxeram provas, diferentemente de Salomão, que torce que à gestão dê errado.  Quanto ao lixão o pessoal da prefeitura tá fazendo uma limpeza e cavando as valas.  O secretário Marlos vai a João Pessoa falar com o pessoal da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), para viabilizar soluções para o lixão.

Os requerimentos e os Projetos de Lei foram votados e aprovados: Projeto de Lei, que dispõe sobre a obrigatoriedade de casas de shows, boates, bares, salões de festas, colocarem os cartazes avisando o perigo da associação de bebida alcoólica  e direção, o da Insalubridade para os motoristas e o projeto que regulamenta a divulgação da Farmácia Básica colocar no site da prefeitura e em murais a lista de remédios da farmácia.

A matéria é de Jordan Bezerra, do Patos On Line

Share

Henrique Lima

É graduado em Comunicação Social e Licenciatura em História pela UFPB e Bacharel em Direito pela Faculdade Maurício de Nassau. Amante dos bastidores da política, há sete anos atua como repórter do programa Correio Debate, na rede Correio Sat.

Contato