10 de Dezembro de 2018 - 00:17
06/12/2018 - 15h12

De Brasília, José Aldemir põe fim à incerteza sobre perda do posto da PRF de Cajazeiras: “Totalmente inviável”

Por Blog do Ninja

Tão logo ficou sabendo da possibilidade de desativação do posto da Polícia Rodoviária Federal de Cajazeiras, o prefeito José Aldemir viajou a Brasília onde participou de uma reunião com o diretor geral da PRF, Renato Dias .

José Aldemir declarou que juntamente com o senador Raimundo Lira, justificou ao diretor da PRF a necessidade da continuidade do posto no município. Um dos motivos principais alegados pelo prefeito é por Cajazeiras ser uma cidade de fronteira, porta de entrada para quem chega de diversos estados brasileiros.

“Isso é totalmente inviável sobre todos os aspectos, Cajazeiras é cidade de fronteira, é porta de entrada pra quem vem do Ceará, Rio Grande do Norte e Pernambuco, então eu vim para Brasília com o senador Raimundo Lira, conversamos com o diretor que na mesma hora abortou a ideia de fazer licitação para o posto rodoviário de Sousa” esclareceu.

O gestor ainda revelou que no início do ano já teria tido uma reunião na PRF nesse sentido e acreditava que o assunto já estaria definitivamente encerrado.

“Especulou-se pela imprensa que Cajazeiras iria perder o posto rodoviário federal para a cidade de Sousa, isso já tinha acontecido no início do ano e eu pessoalmente interferi, esperei até que a coisa pudesse ter sido resolvida de forma definitiva, entretanto nos surpreendemos com essa notícia. Nós não temos nada contra Sousa, mas a instalação do posto da PRF não pode ser em detrimento de Cajazeiras” concluiu.

Share

Henrique Lima

É graduado em Comunicação Social e Licenciatura em História pela UFPB e Bacharel em Direito pela Faculdade Maurício de Nassau. Amante dos bastidores da política, há sete anos atua como repórter do programa Correio Debate, na rede Correio Sat.

Contato