22 de Março de 2019 - 17:17
11/01/2019 - 13h17

“Polêmica maior é ser covarde e eu não sou” diz promotor que recomendou a retirada dos ambulantes do Centro da Capital

Por Blog do Ninja

O promotor João Geraldo, que recomendou à Prefeitura Municipal de João Pessoa que realize a retirada dos ambulantes do Centro da Capital, declarou durante entrevista ao Correio Debate, que esse assunto já vem sendo tratado há muito tempo pois é um problema que se estende por diversas gestões.

Ele disse ainda que não só a prefeitura foi alertada mas também a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) para que possa realizar um trabalho junto com as lojas que expõem produtos do lado de fora das lojas.

Segundo João Geraldo o motivo maior é a dificuldade que os pedestres têm hoje em dia de andar pelas calçadas do Centro que estão sempre ocupadas, obrigando-os a andar no meio da rua.

“Esse assunto não vem sendo tratado de agora, já tem tempo mas esse é o mais recente. Hoje o grande problema que temos é que trocamos a calçada pela faixa de rolamento, o pedestre tem que andar no meio da rua se expondo aos riscos por conta dos ambulantes e da exposição de produtos de lojas, comprometendo também a locomoção de idosos, cadeirantes, deficientes visuais, então achamos e entendemos que é hora do município realizar as medidas necessárias resolvendo o fato da melhor forma possível” disse.

Acerca da polêmica se formou depois da recomendação do MPPB, o promotor foi enfático:

“Polêmica maior é ser covarde e eu não sou. Não podemos deixar a população a mercê de comercio porque isso é uma questão que se arrasta por diversas gestões a gente sabe disso” disse alegando que não é a favor da retirada de forma truculenta e nem é contra os ambulantes, apenas está cumprindo o seu papel.

Share

Henrique Lima

É graduado em Comunicação Social e Licenciatura em História pela UFPB e Bacharel em Direito pela Faculdade Maurício de Nassau. Amante dos bastidores da política, há sete anos atua como repórter do programa Correio Debate, na rede Correio Sat.

Contato