• domingo, 21 de julho de 2024

Uma das lutas históricas do mandato do vereador Marmuthe Cavalcanti (Republicanos) diz respeito a construção de um novo cemitério na capital paraibana, no bairro Muçumagro. Ao longo dos anos, o parlamentar vem solicitando oficialmente à Prefeitura de João Pessoa – através dos Requerimentos 11.983/2023; 780/2021; e 20.065/2015 – a construção deste equipamento público. Além disso, apresentou na Câmara Municipal uma emenda parlamentar, incorporada à Lei Orçamentária Anual (LOA 2015), destinando recursos para a realização da obra.

Com o aumento populacional, e consequente aumento de óbitos em João Pessoa, faz-se necessária a construção de um novo cemitério na Capital. Há mais de 50 anos não se constrói um equipamento público como este, e os que existem, além de não suportarem mais a demanda, estão em situação precária e superlotados. Assim, Marmuthe propõe que seja construído no bairro Muçumagro, na Zona Sul da cidade, pois é a região que mais cresce e ainda possui espaço para receber este tipo de equipamento.

“O nosso mandato está na luta, há muito tempo, para atender também esta demanda dos moradores. Afinal, a Zona Sul é a área que mais cresceu em João Pessoa nos últimos 30 anos. É densamente povoada, possuindo diversas e constantes necessidades de infraestrutura. E uma delas diz respeito à construção de um novo cemitério em Muçumagro, em área já identificada como propícia naquela região”, destacou Marmuthe.

Em 2018, o parlamentar esteve reunido com moradores, representantes comunitários, e o secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, avaliando algumas áreas que poderiam servir para o Município colocar em prática esta reivindicação da população: a construção do Cemitério Público da Zona Sul e uma Central Popular de Velórios.

“A construção de um novo cemitério em Muçumagro é de fundamental importância para os moradores da região. Este equipamento irá suprir uma demanda antiga e crescente, contemplando toda a Zona Sul da cidade. Sobretudo, para atender muitas famílias que perdem seus entes queridos e não têm condições financeiras para realizar o velório e sepultamento. Enfim, trata-se de uma justa reivindicação e espero contar com a sensibilidade da atual Gestão Municipal para que seja atendida”, concluiu Marmuthe.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.